E o Homenzinho Amarelo Chegou no Brasil! Até que Enfim!!!

Aleluia!!! A Google demorou, mas trouxe para o Brasil uma ferramenta que gerou muita polêmica e ao meu ponto de vista, como usuária deste serviço nos Estados Unidos, foi e é de grande valor e acredito que vai D-E-F-I-N-I-T-I-V-A-M-E-N-T-E aposentar os guias manuais de ruas .

 E para abrir os posts de serviços aprovados do nosso Blog, vamos apresentar o Google Street View que já está disponivel,  por enquanto, em alguns estados Brasileiros -Sampa tá incluída!

Para quem não conhece, o Google Street View Brasil é um súper GPS 3D que abre o mapa de uma região que você escolhe digitando o endereço. Nele, você consegue gratuitamente visualizar as ruas como se você estivesse caminhando por lá. Para acessar e utilizar a ferramenta é muito simples e tem diversas funções súper úteis, principalmente para todos aqueles que vivem em uma cidade grande como é a nossa São Paulo. Eis 4 passinhos básicos de acesso e dicas úteis de uma das funcionalidades da ferramenta:

Vou dar a dica de acesso pelo Google Maps, pois ele direciona à ferramenta também.

1) Digite o endereço que você deseja.

2) A ferramenta cria um ponto de referência com o endereço digitado e mostra o mapa da região ao redor do endereço digitado. 

3 ) Para se aproximar das ruas, arraste a barra no sentido positivo e ao chegar no máximo, arraste o Pegman (homem amarelo) e solte-o no meio da rua (não se preocupe, ele não será atropelado). 

4) Ta-dá!! Eis o endereço procurado. Utilize o botão circular branco do lado esquerdo superior para girar a imagem em 360° e visualizar qual o número do endereço que você deseja ir (a ferramenta permite que visualize os números de casas, edifícios e placas das ruas. Para seguir em frente é só clicar duas vezes em um ponto da rua à sua frente e a ferramenta se move virtualmente nas ruas, como se você estivesse dentro de seu carro ou andando nas calçadas.

Polêmica do Street View

Muita gente, como eu, achou muito legal essa ferramenta pois ela possibilita a visualização de endereços que não conhecemos e precisamos ir ou que temos a curiosidade de saber como é.

Muita gente também, e dentro de suas razões, não gostou nada de ser pego no flagra ou de ver a suas casas estampadas para que o mundo inteiro veja. Aqui em São Paulo, assim como em muitas cidades grandes (e nem precisa ser tão grande assim pra se ter problemas) e com o grande número de assaltos,  as pessoas ficaram receosas em ver suas residências expostas na internet “facilitando” a atuação os bandidos em criarem novas estratégias para cometerem crimes. 

A ferramenta foi criada para o bem, mas a gente está careca de saber que sempre alguém inventa de fazer o mau uso de coisas boas para atingir seus objetivos.  Mas pensando que não poderia agradar ao mesmo tempo Gregos e Troianos, a Google criou alguns links que podem borrar os rostos de pessoas na rua ou excluir residências de pessoas que se sintam ameaçadas por terem suas casas expostas publicamente na internet.

Uma dica útil (Principalmente de você for office-boy novato)

Na verdade, não precisa ser office-boy novato andando em São Paulo para se ter a sensação ruim de que poderá se perder, pois conheço muito paulistano véio de casa que não sabe onde fica a rua Barão de Itapetininga , não sabe ir de carro da zona leste até o parque do Ibirapuera ou pior: mal conhece as linhas de metrô ou ônibus, para se locomover em rotas alternativas num momento preciso, como muitas vezes acontece, como em um dia de greve nos transportes públicos ou um gravíssimo acidente ou enchentes nas principais vias de acesso. 

Vamos pegar um exemplo sem tanto drama (rsrsrs). Fazendo de conta que sou um turista japonês (séi lá…inventei isso agora), pela primeira vez no país e na cidade e que está em um hotel no bairro do Paraíso e tem a curiosidade de ver a Av. Paulista. Como o japonês é um cara inteligente, ele acessou o Street View (pois ele seguiu os passos do nosso blog…)…

…e assim ele criou uma rota de origem e destino, digitando o endereço que ele se encontra e qual ele deseja ir. Veja que o mapa demarca em azul o caminho que ele deverá fazer. 

Aqui , o turista teve como escolher a forma que ele deseja percorrer a rota: por ônibus, carro ou à pé. Ele como foi inteligente e sabia que estava perto do endereço, ele optou pela rota para apenas caminhar.

 

E como nosso amigo japonês é muito inteligente, ele sabia que a rota à pé, lhe indicaria além do percurso, a extensão total de 700 metros (que não cansaria nem pouquinho) e duraria uns 13 minutos para chegar na numeração da Paulista, que ele gostaria de ir.

Alguns endereços que você pode ir, sem gastar absolutamente nada !

Enquanto você está economizando uma graninha para a sua viagem dos sonhos, que tal ir até lá (virtualmente) para demarcar os lugares de depois visitá-los pessoalmente? Com o Street View, isso é possivel, sim. 

Olha a Torre Eiffel e as ruas que rodeiam ela. Esse programa não é uma tentação em parar um pouquinho para “passear” virtualmente nestas ruas magníficas, cheias de jardins e árvores?

Já que a ferramenta é gratuita e está disponível com uma série de facilidades, use-as ao seu favor pois só podemos tirar bons proveitos dela.

Valeu Google, o Street View Brasil é um serviço gratuito aprovadíssimo pelo nosso grupo !

 

 

Uma resposta para E o Homenzinho Amarelo Chegou no Brasil! Até que Enfim!!!

  1. Xandeco disse:

    muito legal🙂 outro uso do google maps/ street view é que se a gente der o endereço da nossa casa para amigos te visitar é só imprimir as rotas, impimir o ponto de referencia mais perto de casa. Isso é o fim dos mapinhas que eu desenhava.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: